De Palestra Itália a Cruzeiro Esporte Clube

São 100 anos de tradição. Conhecido em cada canto por Cruzeiro Esporte Clube, o temido das Américas, La Bestia Negra. Que orgulho tenho de compartilhar com vocês alguns fatos históricos do meu amor principalmente quando se trata de suas raízes.


Muitos se perguntam o porque de termos mudado de nome, e vou explicar um pouquinho da nossa historia pra vocês entenderem o verdadeiro motivo da mudança de nome e cores. Não sabia? Pois é, temos fortes raízes italianas. Sociedade Esportiva Palestra Itália foi o nome que recebemos em 2 de janeiro 1921 através de desportistas de uma comunidade italiana existente em Belo Horizonte, mas em 1942 tudo isso mudou. Infelizmente o Brasil acabou entrando na 2° Guerra Mundial, e através de um decreto lei feito pelo Governo Federal, todo e qualquer termo que fizesse referencia às nações inimigas, sendo elas: Alemanha, Itália e Japão, estavam totalmente proibido, lojas, entidades, estabelecimentos e inclusive o Sociedade Esportiva Palestra Itália.


Após esse período o clube precisava de outro nome, e não poderia ter recebido nome e símbolo melhor. Em 1942, o Sociedade Esportiva Palestra Itália deixa suas cores verde, vermelho e branco que faziam referência à bandeira italiana, para se tornar o temido Cruzeiro Esporte Clube. E porque desse nome? Simples, apenas por representar o maior símbolo da nação brasileira, a constelação do Cruzeiro do Sul. Como consequência do novo nome e novo símbolo caracterizado pelas cinco estrelas, vieram também novas cores. O azul e branco, consequentemente temidas pelo seu rival.


Uma coisa é certa, anos se passaram, mudamos de nome, cores e escudo, mas a história é a mesma e a tradição em todas as conquistas também. Apesar da mudança, o Cruzeiro ainda carrega consigo o peso da camisa.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo