Obrigado,Tite!

Atualizado: Jul 25

Desde que Tite foi contratado, a seleção brasileira pulou da quinta para a primeira colocação nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018. No qualificatório, foram oito jogos e oito vitórias, com 22 gols feitos e apenas dois sofridos. Após ganhar do Uruguai, e do Paraguai, a equipe nacional chegou à nona vitória consecutiva e bateu o próprio recorde em Eliminatórias. A marca atual bateu o elenco do comandado por João Saldanha na busca por vaga na Copa de 1970.

Início da hegemonia Tite e pequeno resumo das partidas

1°partida: No dia 1 de Setembro de 2016 a Seleção Brasileira foi comanda por um técnico diferente, Tite. A estreia foi longe de casa, mas com um placar surpreendente - 3 x 0. A seleção ainda quebrou um tabu. Nunca havia vencido o Equador fora de casa em partidas pela eliminatória.

2° partida: Vitória contra a Colômbia por 2 x 1 em casa. Os dois primeiros jogos de Tite no comando da equipe serviram para mostrar que o Brasil tem time para chegar à Copa do Mundo de 2018. Se antes, com Dunga, a vaga parecia ameaçada, o novo treinador tratou de afastar rapidamente essa ideia.

3° partida: foi contra a Bolívia, no dia 06/10/2016 com direito a goleada, 5x0. A goleada brasileira aconteceu na Arena das Dunas, e foi construída com gols de Neymar, Coutinho, Filipe Luís, Gabriel Jesus e Firmino, e conseguiu a vice-liderança do grupo naquela ocasião.

4° partida: A seleção do técnico Tite demonstrou domínio do jogo durante os 90 minutos, e não sofreu mesmo atuando fora de casa, em Mérida, batendo a seleção da Venezuela por 2x0, conquistando enfim a liderança do grupo.

5° partida: No dia 10 de novembro, O Brasil venceu a Argentina por 3 a 0 pela 11ª rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018, e se manteve na liderança do torneio. O clássico deu mais ânimo e confiança para a torcida brasileira.

6° partida: Brasil venceu o Peru por 2 a 0 e disparou na liderança das eliminatórias.

7° partida: O Brasil venceu a Colômbia por 1 a 0 no Jogo da Amizade, amistoso disputado no Estádio Nílton Santos, no Rio de Janeiro, em homenagem às vítimas da tragédia no voo da Chapecoense. Toda renda da partida foi destinada às famílias dos acidentados. A vitória levou o Brasil do segundo ao primeiro lugar no ranking de seleções da FIFA, deixando a segunda colocação com a Argentina

8° partida: Na última quinta-feira, dia 23, o Brasil goleou o Uruguai por 4 a 1, fora de casa e deu mais tranquilidade por vaga na copa do mundo de 2018.

9° partida: A vitória por 2 a 1 do Peru sobre o Uruguai na madrugada desta quarta-feira (29) confirmou matematicamente a classificação do Brasil para a Copa do Mundo de 2018. A seleção, que bateu o Paraguai mais cedo por 3 a 0, é a primeira em todo o mundo a conquistar sua vaga via Eliminatórias, juntando-se ao país-sede, a Rússia, como os únicos dois confirmados no torneio até o momento. Com 33 pontos e quatro rodadas das Eliminatórias Sul-Americanas faltando, o Brasil não pode mais terminar fora das quatro primeiras posições, que dão vaga direta ao Mundial.

Após um início irregular sob o comando de Dunga, a classificação antecipada foi alcançada com um desempenho impressionante desde a estreia de Tite. O resultado do Peru sobre o Uruguai apenas carimbou uma vaga que estava virtualmente garantida. Desta forma, o Brasil se mantém como a única seleção do mundo a disputar todas as Copas na história. O Mundial da Rússia será a 21ª vez que a seleção brasileira jogará o principal torneio do futebol mundial. Vida longa ao técnico Tite, e ao elenco brasileiro que a cada jogo nos surpreende.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle