Com Elias brilhando em campo, Galo quebra jejum e vence o Campeonato Mineiro pela 44ª vez

Atualizado: há um dia

Com direito a recorde de público no Estádio Independência - 22.411 torcedores -, o Galo é campeão do Campeonato Mineiro pela 44ª vez. Num domingo de muita festa e jogo movimentado, o Atlético Mineiro venceu o Cruzeiro, por 2 a 1.

Aos 12 minutos, Robinho pega a bola no meio campo, dribla Hudson, lança para Fred, que dispara na direita. O camisa 9 faz um belo cruzamento e Robinho só empurra para o fundo da rede, abrindo o placar pro Atlético. Com Elias decisivo, o meio-campista brilhou no jogo, dando passe para Robinho marcar, mas a arbitragem assinalou impedimento do camisa 7 - erroneamente.

Logo aos 7 minutos do segundo tempo, Ábila aproveitou o cruzamento de Rafinha e empatou o jogo com bela dominada de bola no peito, marcando de voleio. O empate dava o título ao Galo, mas aos 24 minutos, Cazares - que tinha acabado de entrar no lugar de Robinho -, recebe pelo meio, avança e passa para Elias, na área, que domina e faz um belo gol, colocando o time na frente de novo. Aos 40, Adilson arrancou e sofreu falta de Rafinha, que levou o segundo cartão amarelo e acabou expulso. A torcida já gritava "É campeão" e nem ligou para a expulsão de Adilson, que também levou o segundo amarelo, logo no minuto seguinte.

Com a vitória, o Atlético encerra jejum de oito partidas sobre o arquirrival - a última vitória foi em 2015, pela partida de volta da semifinal do Mineiro. Fred não marcou na final, mas terminou como artilheiro do campeonato, com 10 gols. E o técnico Roger Machado, que foi criticado por alguns torcedores, conquistou seu primeiro título como treinador.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle