A saída de Vitor Hugo do Palmeiras

Atualizado: 26 de Jul de 2020


Vitor Hugo foi contratado pelo Palmeiras no começo de 2015 por empréstimo, após destaque em suas temporadas jogadas no América-MG. Assim que chegou, logo foi conquistando seu espaço. Tanto dentro de campo, quanto dentro do coração de cada torcedor alviverde. Dono de um carisma enorme, (sempre demonstrado em suas entrevistas e no dia-a-dia com seus companheiros) "Mitor Hugo" assim carinhosamente apelidado pela torcida, virou o "queridinho" muito rápido. Fazendo com que tivesse contrato com o clube até 2020. Mas, também, não tinha como ser diferente. Ele se garantia na defesa, e no ataque. O tipo de jogador que fazia valer o verso do nosso hino: "Defesa, que ninguém passa.. linha, atacante de raça [...]"

Do tempo que ficou aqui, foi titular absoluto (execeto nesse 2017, que por sinal, já já falarei dele), fechou 2015 dando assistência para o atacante Dudu marcar o segundo gol da vitória contra o Santos na final da Copa do Brasil. Terminou o ano passado como um dos jogadores que mais atuaram no ano pelo clube, contribuiu para a zaga ser uma das menos vazadas, e também com seus gols. Nosso zagueiro artilheiro!

Cuca foi embora, o time era outro, e quando vimos, lá estava Vitor Hugo no banco de reservas. Quando entrava para o jogo, já não era mais o mesmo. E, isso foi fazendo com que as cornetas começassem a surgir.. Ele sabe, todos sabem, torcedor palmeirense cobra. Mas, às vezes acabam se esquecendo de tudo que ele já fez por nós. E é daí que surgem os famosos torcedores com "amnésia". Infelizmente o futebol é fase. Quando a fase está boa, o jogador serve. A torcida apoia. Mas quando não é, chove de críticas e cornetas que muitas vezes são desnecessárias. Jogador também é ser humano. Acaba desanimando ainda mais o atleta. Acredito que faltou um pouco mais de consideração com quem nos ajudou tanto.

Deviam ter segurado o "Torugo" (outro apelido da torcida) por mais um tempo. Por mais que ele estivesse passando por um período ruim enquanto jogador, todos sabem da qualidade que ele tem. Do amor, e carinho demonstrado pelo Palmeiras e pelos torcedores. Será que com esse retorno do Cuca, o nosso camisa 4 não voltaria ao normal? Se bem que já não adianta mais pensar nisso, o "martelo" foi batido. E ele já está indo para a Itália. O que nos resta, além de sentir saudades de ver um escanteio ou falta e automaticamente pensar "de cabeça, vai dar Vitor Hugo!!" e em seguida vibrar com aquelas cambalhotas, que acabaram virando marca a cada gol que ele fazia, é te desejar muita sorte, aqui você já era visto como ídolo por muitos, esperamos que seja assim também em seu novo clube. Obrigada por toda entrega, desempenho, amor, carisma, raça, e títulos que nos deu! Que não seja um adeus, e sim um até logo!!

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle