Nem melhores, nem piores: apaixonadas

Atualizado: Jul 26

Convenhamos, é legal dizer na roda de amigos que sua namorada, mãe, irmã ou melhor amiga são loucas por futebol, te acompanham ao estádio e até escalam seus jogadores toda semana no Cartola. Admita que é sensacional, seus amigos que não tem essa sorte até ficam admirados. O problema só começa quando estas discordam do que você tem como escalação ideal, fazem uma pontuação na rodada melhor que a sua, acham que você está errado, te lembram que no último jogo foram feitas duas alterações e não três, discordam que aquilo foi pênalti ou, pasmem: foi impedimento diferentemente do que você está dizendo.

Vivemos na era de preconceitos velados, o problema só começa quando uma mulher sabe mais do que você, quando ela tem uma opinião diferente, quando ela decide ir ao estádio sem a sua companhia. Como assim? "Ela é mulher e o máximo que pode fazer é ficar em casa sexta à noite, enquanto eu vou pro racha com os amigos", "Ela é mulher e até pode ir ao estádio, mas comigo ao lado", "Ela é mulher e até pode saber de futebol, mas não mais que eu".


E não... não venham com essa de "é pra casar" ou "não tem defeito", simplesmente por sermos mulheres e gostarmos de futebol. Apesar de achar que as que não gostam estão perdendo uma infinidade de emoções que só este esporte nos proporciona, não somos melhores que elas. Somos apaixonadas por futebol, mas, sobretudo, somos mulheres, passamos todos os dias pelo que estas também passam. O futebol é só um pequeno reflexo dos machismos encobertos e cotidianos, o que sentimos dentro de um estádio é o que todas sentimos fora dele, na faculdade, no trabalho, no bar.

E também não, nós não somos piores exclusivamente por sermos mulheres, antes de tudo somos humanos, apaixonados pelo mesmo futebol. E acreditem, esse esporte tão fascinante tem espaço para nós todos, com respeito, nas arquibancadas, nos gramados ou nas cabines de transmissão. É tarefa diária lembrar que o futebol é esporte e, assim sendo, deve ser lugar de ricos e pobres, brancos e negros, HOMENS E MULHERES. Simplesmente, lugar de apaixonados.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle