Como é ser jogadora de futebol?


Ser jogadora de futebol é ser assediada: 25,8% das jogadoras profissionais que jogam na Série A dizem já ter sofrido algum tipo de assédio por profissionais que trabalham no mesmo clube. Ou seja, em cada partida que começa, pelo menos cinco atletas em campo já se sentiram ofendidas ou atacadas.

Ser jogadora de futebol é sofrer preconceito dentro da própria casa: 68,3% das atletas pesquisadas disseram que lidam com o problema diariamente. 38,4% declararam já ter sentido preconceito de familiares ou amigos. Ser jogadora de futebol é ouvir palavrões no estádio: o xingamento mais usado pelos torcedores, com 20,5%, é "sapatão". É o que elas mais se entristecem ao ouvir. Entre outras ofensas racistas.

Ser jogadora de futebol é não receber os salários milionários que jogadores homens recebem: três em cada quatro mulheres recebem até dois salários mínimos por mês, R$ 1,8 mil. Não são valorizadas! 72% assinam contrato com duração de até um ano. Elas não sabem se continuarão empregadas. 90% das jogadoras deixa o futebol antes do tempo para ter filhos ou por razões econômicas. 46% estudam ao mesmo tempo e quase um terço tem outra profissão.

Ser jogadora de futebol é não ter um treino digno, 90% das atletas afirmam que a estrutura dos clubes que defendem está abaixo das condições de trabalho oferecidas aos homens em suas equipes.

Ser jogadora e querer ser jogadora de futebol não é nada fácil. É preciso mais mídia para as mulheres, elas precisam ser reconhecidas e valorizadas, assim como fazemos com os jogadores masculinos. Elas querem ser profissionais e simplesmente jogar futebol e não ter que ficar procurando outro emprego para ter mais renda. Elas amam o futebol e precisamos dar mais espaço para que todos saibam quem realmente entende do assunto.

Os dados foram retirados do relatório da Federação Internacional de Futebolistas Profissionais (FIFPro) e do Pesquisão do futebol feminino no Brasil do site UOL Esporte.

#Futebolfeminino #SérieA #Jogadora #Brasileirão #ChampionsLeague

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle