As mulheres nos programas sócios-torcedores

Atualizado: Jul 26

Os sócios-torcedores são programas de relacionamento e vantagens entre os clubes de futebol e seus torcedores. O torcedor que se cadastrar no programa possui benefícios oferecidos pelo clube, como a preferência e descontos na compra de ingressos, descontos em produtos e serviços junto a parceiros comerciais e outras vantagens previstas em cada um dos planos existentes.

No mundo todo esse modelo faz sucesso, não só com o futebol, mas em outros esportes também como basquete e futebol americano. Na Europa os programas de sócios-torcedores há muito tempo já vêm trazendo vantagens e rendimentos para os clubes. O Sport Lisboa e Benfica foi por muitos anos líder em associados no mundo. O clube foi um dos pioneiros a oferecer grandes benefícios aos sócios, como descontos em lojas, produtos e ingressos para os associados. O programa do clube português é ainda hoje referência para o que é praticado no Brasil.

Os programas já se tornaram tão importantes para as finanças dos clubes que alguns como o Internacional já dão direito a voto dentro do clube para sócios- torcedores. Em agosto de 2017 foi a vez do Botafogo mudar seu estatuto dando direito a voto aos seus sócios torcedores e essa é uma ação que tende a se estender aos clubes de todo o Brasil.

A presença de mulheres como torcedoras vem crescendo nas últimas décadas, pois o público feminino acompanha cada vez mais aos jogos e seus clubes. As mulheres já representam quase a metade das torcidas brasileiras, no entanto, ainda é um público pouco explorado pelos clubes de futebol, quando se fala nos programas de sócio-torcedor elas representam apenas 10% dos associados em 2016.

O Internacional é o clube com maior percentual feminino no quadro de associados, sendo 22% mulheres, seguidos de Corinthians com 19% e Grêmio com 15%. Os outros clubes com maior programa de sócio-torcedor, o Palmeiras ocupa sexta colocação com apenas 12% de mulheres como sócias torcedoras e o São Paulo apenas a décima primeira colocação com somente 10% de mulheres como sócias, mesmo sendo atualmente o programa com mais associados, com cerca de 154 mil sócios-torcedores.

O número de mulheres sócio torcedoras do Flamengo teve um enorme crescimento. Em 2016, elas representavam apenas 1% dos sócios-torcedores do clube e em 2017 deu um salto para 10%. Isso é algo que tende a se estender para outros clubes, já que a mulher está conquistando seu espaço.

As mulheres são muito importantes para o futebol, mas ainda precisam ser mais vistas pelos clubes. Muitas vezes, elas são apenas lembradas em ações no mês da mulher ou outubro rosa, que apesar de importantes, não são as únicas datas. Os clubes precisam lembrar das mulheres e suas sócias-torcedoras durante todo o ano.

As mulheres, assim como os homens, amam seus clubes do coração e se tornar sócia-torcedora é só mais um passo. Esse é um caminho que ainda timidamente estamos avançando, mas logo terão cada vez mais mulheres demonstrando seu amor e abrindo espaço nos programas de sócios torcedores.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle