1991: após desbancar times tradicionais, Colo Colo conquista título inédito

Atualizado: 25 de Jul de 2020

Ser campeão da Libertadores da América não é uma tarefa fácil. Durante a trajetória na competição é preciso enfrentar adversários tradicionais, e muitos deles já conquistaram a tão sonhada taça. No ano de 1991, o Colo Colo foi o grande campeão da 31ª edição, que teve 21 equipes participantes. Em 90 partidas que foram realizadas, 221 gols foram marcados – média de 2,46 por partida. Nesta edição, o Flamengo se destacou, tendo Renato Gaúcho como artilheiro com oito gols marcados, e o ataque dos cariocas também foi destaque, com 11 gols marcados. Além do rubro-negro, o Corinthians também participou do torneio.

O caminho do Colo Colo até o título iniciou no Grupo 2, onde teve a LDU Quito, Deportes Concepción e o Barcelona de Guayaquil como adversários. Os chilenos encerraram a fase de grupos em primeiro lugar. Com a vaga nas oitavas de final, um adversário conhecido, mas com pouco prestigio na competição, o Universitario. Com um empate em 0 a 0 no primeiro jogo, os chilenos precisaram mostrar determinação e venceram a partida por 2 a 1.

Se o Colo Colo enfrentou dificuldades contra o Universitario, eles enfrentaram um grande campeão: o Nacional do Uruguai. Mas a força dos uruguaios desapareceu no ataque efetivo dos chilenos, que venceram por 4 a 0. Com um pé na final, a derrota por 2 a 0 no jogo de volta não tirou a alegria do Colo Colo, que conquistava uma vaga na tão sonhada final.

Na semifinal, outro clube tradicional, o Boca Juniors. Na primeira partida, o Colo Colo foi derrotado por 1 a 0, tendo a missão de reverter o placar. Missão dada, é missão cumprida. Com 3 a 1, a vitória garantiu os chilenos como finalistas.

A grande final da Libertadores foi contra o Olímpia. E assim como em outras edições, o campeão foi conhecido na segunda partida, já que na primeira, a rede não balançou. O jogo foi realizado no estádio Monumental David Arellano, em Santiago. Mais de 66 mil torcedores foram assistir à final, e viram Pérez e Herrera marcar os gols do Colo Colo, garantindo o título inédito.

0 comentário

Seja nosso parceiro!

E-mail: futebolporelas@hotmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle