1994: decisão emocionante em terras brasileiras

Atualizado: Jul 25

A Taça Libertadores de América de 1994, que ocorreu de 13 de fevereiro a 31 de agosto, demonstrou que os times brasileiros estavam crescendo: foram três seleções participando, sendo que uma foi classificada como o melhor ataque da fase inicial, Palmeiras, com 14 gols e outra conquistou o vice-campeonato, o São Paulo.

Na primeira fase da 35ª edição do torneio, dois dos times brasileiros, Palmeiras e Cruzeiro, caíram no mesmo grupo, o 2, com dois times difíceis: o Boca Juniors e o Vélez. Após os confrontos iniciais, passaram para as oitavas de finais o Cruzeiro, o Palmeiras e o Vélez. Mas o Cruzeiro não permaneceu por muito tempo no campeonato, foi eliminado nesta fase pelo Unión Española, perdendo em um jogo e empatando em outro. O Palmeiras, por sua vez, foi eliminado para o São Paulo, perdendo de 2 a 1 no jogo de volta.

O time paulista, único brasileiro a continuar na competição, foi classificado para as quartas de finais e passou com bastante emoção. O Unión Española, seu rival para a classificação, conseguiu o empate no jogo de ida, mas o jogo de volta, que aconteceu em São Paulo, garantiu a classificação do time paulista em uma vitória por 4 a 3 sobre o time chileno. As emoções continuaram a todo vapor nas partidas do São Pulo para chegar à final do campeonato. Nas semifinais, contra o Olímpia, o time foi até os pênaltis na casa do rival para conquistar a vaga na tão sonhada final e lutar pelo tricampeonato.

O Vélez, primeiro lugar do grupo dois, enfrentou nas oitavas de final mais dificuldades do que se poderia esperar. O time uruguaio enfrentou o Defensor e teve a classificação decidida nos pênaltis, 4 a 2. Já nas quartas de final, o time pôde se tranquilizar, vencendo o Minervén em casa, no jogo de volta, por 2 a 0. A semifinal deste lado também elevou as emoções. O Vélez enfrentou o Junior Barranquilla e os dois jogos ficaram por 2 a 1. A decisão ficou por conta dos pênaltis, que terminou em 5 a 4, classificando o Vélez para a decisão final.

A decisão final, então, ficou para ser decidida entre o São Paulo e o Vélez. Na partida de ida, o Vélez ganhou em casa por 1 a 0. A grande decisão, que ocorreu em São Paulo no dia 31 de agosto de 1994, foi outro momento de grandes emoções para os dois times. O time da casa venceu por 1 a 0, resultado que levou a grande decisão para os pênaltis. Na disputa dos pênaltis, o Vélez se saiu melhor, fazendo 5 a 3 contra o time da casa. E após tantas emoções, o time uruguaio tornou-se o campeão da 35ª edição da Libertadores.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle