2002: o ano do tri do Olímpia

Atualizado: Jul 26

Em sua 43° edição, a Libertadores contou com a participação de 34 equipes, 347 gols em 126 partidas, ocorreu no período entre os dias 5 de fevereiro e 31 de julho. Os representantes brasileiros nessa edição foram Grêmio, Flamengo, Athletico Paranaense e São Caetano. O melhor ataque da fase de grupos ficou por conta da equipe do Monarcas Morelia que totalizou 15 gols, enquanto a melhor defesa foram as das equipes do América e Boca Júniors que sofreram apenas dois gols cada.

O Olímpia começou a primeira fase no grupo 8 junto com Universidad Católica, Once Caldas e Flamengo, totalizou 11 pontos e terminou essa fase com 11 pontos, seguido da equipe do Universidad Católica que totalizou 10. Teve como adversário nas oitvas a equipe do Cobreloa, no primeiro confronto os times empataram com o placar de 1 a 1, já no segundo jogo o Olímpia bateu o Cobreloa com o placar de 2 a 1 e garantiu a classificação nas quartas de final.

Já nas quartas de final, o Olímpia teria como adversário a equipe do Boca Júniors, empatando em Buenos Aires com o placar de 1 a 1 o Olímpia decidiu em casa e avançou para as semifinais após bater o Boca por 1 a 0. Na semifinal, o Olímpia encarou a equipe do Grêmio e no jogo de ida conseguiu o resultado de 3 a 2 e decidiu nos pênaltis em Porto Alegre após perder de 1 a 0 no tempo normal, a cobrança de pênaltis acabou em 5 a 4 e o Olímpia estava novamente em uma final de Libertadores.

​​Na final o adversário do Olímpia foi o brasileiro São Caetano, após perder em casa por 1 a 0 no jogo de ida, o Olímpia conseguiu reverter o placar no Brasil e venceu o São Caetano por 2 a 1, com tudo empatado no placar agregado, o jogo foi para a disputa de pênaltis, placar final: Olímpia 4 a 2 São Caetano. Com esse resultado o Olímpia se tornou tricampeão da Libertadores da América.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle