Cara de Copa? Mundial de Clubes será disputado por 24 times de 4 em 4 anos

Atualizado: Jul 25


Com proposta de que campeonato substitua a Copa das Confederações,

FIFA anunciou novo formato para 2021

Uma Copa do Mundo disputada pelos melhores clubes de cada continente. Esta é a proposta da FIFA para um novo formato do Mundial de Clubes. O presidente da Federação, Gianni Infantino, anunciou as mudanças nessa sexta-feira, 15: a partir de 2021 o campeonato será disputado de quatro em quatro anos e contará com a participação de 24 clubes. (Atualmente, a briga pela taça acontece todos os anos, entre os sete melhores times do mundo). E não é só o formato que tem cara de Copa do Mundo. A data e os locais também. A proposta da FIFA é que o “Novo Mundial” seja disputado entre os meses de junho e julho, no mesmo país que sediar a Copa. Tudo isto porque a ideia é que o Mundial de Clubes “substitua” a Copa das Confederações, que sairá do calendário FIFA. A primeira edição, no entanto, como já foi confirmado pela Federação, não acontecerá no Catar, por questões climáticas. NOVAS REGRAS No novo formato, o campeonato será disputado em fases de grupo e eliminatórias. Na primeira fase, será realizado o chaveamento em oito grupos, com três clubes em cada chave. A classificação é feita no sistema “melhor de três”: o clube que tiver melhor desempenho nas disputas com os companheiros de chave, avança. Após a primeira fase, acontece as quartas de final, seminal e final. Ainda em definição, a FIFA não anunciou como será feita a seleção dos participantes do “Novo Mundial”. Hoje, o campeonato é disputado entre os campeões da Libertadores, Liga dos Campeões, o campeão nacional do país sede e dos torneios continentais de África, Ásia, Oceania e da Concacaf. A proposta da FIFA, ainda não confirmada, é que o novo formato conte com oito clubes europeus, seis sul-americanos, um da Oceania e nove distribuídos entre os outros continentes. Mas, com resistência da Uefa ao novo modelo, a FIFA ainda não bateu o martelo e espera um acordo com os europeus. A Conmebol está de acordo com as seis vagas, mas ainda não foi anunciado como elas serão ocupadas. POLÊMICA COM OS EUROPEUS O novo formato foi aprovado por votação entre os 32 representantes da entidade, com 25 votos a favor e sete contra. Ainda que a decisão tenha sido tomada de forma democrática dentro da Federação, entidades europeias mostraram resistência. A Uefa criticou a decisão de mudar os moldes do campeonato e a Associação de Clubes Europeus chegou a ameaçar um boicote a um novo formato, alegando que os clubes disputarão mais jogos e que o novo modelo vai gerar um desgaste entre os atletas. A FIFA se defende dizendo que pelas novas regras, os clubes vencedores disputarão cinco jogos a cada quatro anos. Hoje o vencedor disputa dois jogos todos os anos. O “Novo Mundial” começa a ser disputado daqui a dois anos. Em 2019 e 2020 ainda teremos o campeonato que conhecemos e muitas discussões e ajustes vão acontecer. Será que a Copa do Mundo dos Clubes vai vingar?

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle