Estadual é bom e a gente gosta

Atualizado: Jul 25

Hoje é o típico domingo que quase o Brasil todo para. São oito fnais de campeonatos estaduais, são milhões de brasileiros preparando a camisa do time para vestir na hora do jogo, repetindo o ritual sagrado para começar a encaminhar o título.

A superstição faz parte do DNA do torcedor. Tem o cantinho do sofá que ele estava sentado quando o time foi campeão e agora é o seu lugar de lei. Também tem a bermuda da sorte, o copo d'água cinco minutos antes do jogo começar. O que importa mesmo é que o título é esperado e desejado.

Não venha me dizer que título estadual não é nada. Título é título, taça é taça. Se a torcida enche as arquibancadas, fica ansiosa pra ver o jogo, zoa o rival que perdeu e canta o hino por duas horas seguidas é porque tem valor.

Você pode não concordar com regulamento maluco ou falar que foi eliminado por erro de arbitragem, mas se falar “tô nem aí”, ganhou o troféu do ano de mentiroso. É sempre bom ganhar e ser o melhor do estado pode ser só o prenúncio de um ano majestoso.

Todo mundo começa o ano achando que esse ano vai e como é bom se iludir com um campeonato estadual. O domingo é o dia da semana que todo amante de futebol espera ansiosamente e quando ele tem uma final contra o seu maior rival, a gente nem liga que amanhã seja segunda-feira.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle