Mudanças nas regras do futebol já serão válidas na estreia do Campeonato Brasileiro

Atualizado: Jan 17

As leis do futebol irão mudar para todo mundo a partir do dia 1º de junho, quando termina a temporada no futebol europeu. As alterações foram definidas pela International Football Association Board (IFAB), em reunião no início de março. Os times brasileiros precisam se adaptar às mudanças nas regras do futebol já para a estreia do Campeonato Brasileiro.

A CBF recebeu o aval da Fifa para começar a aplicar as novas regras desde a primeira rodada em todas as divisões do campeonato nacional, que começa no próximo final de semana. Segundo o chefe da Comissão de Arbitragem da CBF, Leonardo Gaciba, a intenção é evitar as injustiças que aconteceriam caso as regras passassem a valer já com o campeonato em andamento.

O que mudou?

“Bola na mão” ou “mão na bola”? As regras para encarar lances que geram essa dúvida é vista como uma das principais alterações. A partir de agora, será invalidada qualquer jogada de gol em que houver toque de mão, ainda que o toque não seja proposital. Com as alterações, o árbitro passará a ser neutro. Caso a bola encoste no juiz, ele precisa reiniciar a partida com bola ao chão. E outra novidade é que em lances de falta com barreira, os jogadores da barreira devem ficar a um metro de distância do cobrador.

Laurence Griffiths/Getty Images

Já na estreia do Campeonato Brasileiro neste final de semana, quando subir a plaquinha da substituição, o jogador substituído deve sair de campo pela linha da qual estiver mais próximo, seja lateral ou a linha de fundo, com o objetivo de não prejudicar o andamento da partida.

Em cobranças de pênalti, o arqueiro deve manter apenas um dos pés na linha do gol e o outro pode ser usado para pegar impulso. Já nos lances de tiro de meta, o goleiro não precisa mais fazer a cobrança para fora da área, os jogadores poderão receber a bola dentro da área para dar sequência a partida.

Os técnicos e demais membros das comissões técnicas também devem ficar atentos às modificações, visto que agora há a possibilidade de serem punidos com cartão amarelo ou vermelho. Antes, os integrantes das comissões técnicas só podiam ser advertidos verbalmente ou expulsos pelo árbitro.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo