Chelsea goleia Arsenal e conquista a Europa League

Atualizado: Jul 24

E no clássico de Londres pela final da Europa League deu Chelsea. O time de Mauricio Sarri contou com todo o talento de Eden Hazard para aplicar uma goleada histórica em seu maior rival e assim conquistar sua segunda Europa League e seu terceiro título europeu.


O primeiro tempo não foi tão emocionante como todos esperavam. O Chelsea não conseguia jogar diante da forte marcação do Arsenal, e viu o time de Emery criar mais oportunidades sem conseguir chegar ao gol. Mesmo assim, foram 45 minutos sonolentos e que pareciam até caminhar para uma possível prorrogação ou até uma disputa nos pênaltis.


No início do segundo tempo o jogo já mudou completamente de ritmo e aos 49 minutos Giroud, que tinha feito um primeiro tempo sofrível, recebeu belo cruzamento de Emerson e abriu o placar. A lei do ex nunca falha, o francês fez questão de respeitar seu ex time inclusive. Chelsea 1, Arsenal 0.


O Chelsea passou a jogar com mais tranquilidade e o Arsenal tentava chegar ao gol de empate, porém, sem a qualidade que tinha demonstrado no primeiro tempo e no decorrer da competição.


Aos 60 minutos que começou a aparecer o grande craque do jogo. Hazard recebeu e deu uma assistência impecável para Pedro que, sem muita dificuldade, venceu Peter Cech. Dois gols de vantagem para o Chelsea. O que já estava ruim para o Arsenal ficou pior quando aos 65 minutos o árbitro marcou um pênalti em Giroud. Hazard pegou a bola e sem muitos problemas fez o terceiro gol do time azul de Londres. O bicampeonato da Europa League já estava mais que encaminhado para o Chelsea.


O Arsenal ainda contou com o golaço de Iwobi que marcou de fora da área aos 69 minutos, deixando o jogo em 3 a 1 e trazendo aos torcedores um pouco de esperança numa possível reviravolta. Porém, Hazard eliminou qualquer esperança e coroou sua atuação roubando a bola, tabelando com Giroud e marcando mais um golaço. Possivelmente o último dele na sua passagem história pelo time de Londres. Que despedida do camisa 10. O placar estava em 4 a 1 e o título definido.


Nos minutos seguintes o que se viu foi o Arsenal perdido em campo, Torrera chorando, Emery revoltado e Özil saindo de campo completamente abatido e o Chelsea tentava aumentar a vantagem e jogava com toda a tranquilidade. Sem mais mudanças no placar foi no apito do árbitro que o clássico de Londres mais aguardado dos últimos anos terminou com uma sonora goleada do Chelsea. O Arsenal fica sem o título e sem a vaga na Champions League. O Chelsea se despediu em grande estilo de seu craque e leva para a história uma vitória monumental em cima de seu rival.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle