Alemanha confirma favoritismo e garante vaga às quartas de final

Atualizado: Jul 25

No primeiro duelo das oitavas de final, a bicampeã mundial, Alemanha, confirmou o favoritismo e conquistou sua vaga no duelo contra as nigerianas. No início do jogo, a Nigéria foi surpreendentemente para cima e chegaram a levar perigo nos primeiro minutos da partida, porém, a pressão inicial não se manteve por muito tempo e logo as alemãs passaram a dominar a posse de bola e as ações do jogo.

Aos 16 minutos, depois de algumas tentativas a Alemanha finalmente encontrou o seu gol. Na cobrança de escanteio, Popp nem precisou subir, e com os pés no chão aproveitou o excelente cruzamento para colocar a bola dentro das redes. Segundos depois, o lance se tornou polêmico. A juíza foi chamada para revisar o gol e observar uma possível participação de Huth que estava impedida e teria atrapalhado a goleira. Porém, a árbitra não interpretou dessa forma e o gol foi validado.

Logo em seguida aos 24 minutos o VAR foi acionado novamente, dessa vez para ver um possível pênalti para a Alemanha. Após a verificação a juíza deu o pênalti e aguentou as vaias da torcida nigeriana. Quem foi para a cobrança foi Dabritz, e ela bateu com precisão, sem chance para a goleira que até acertou o lado, mas não chegou na bola. Alemanha 2 a 0 Nigéria aos 27 minutos de jogo.

Depois do gol, as alemãs tiveram tranquilidade para diminuir o ritmo e controlar a partida. A Nigéria tentava reagir, mas não conseguia ter a bola para si para buscar o ataque com mais frequência. Nos minutos finais, as nigerianas conseguiram se encontrar em campo, e chegaram a pressionar em busca do seu primeiro gol. Tudo isso junto de um impressionante apoio da torcida que aplaudia cada tentativa e não perdeu a chance também de vaiar a arbitragem quando um possível pênalti não foi marcado para a seleção africana. O primeiro tempo acabou 2 a 0 para a Alemanha, mas a Nigéria começava a gostar da partida e prometia voltar com todo para os minutos finais.

O segundo tempo começou em alto ritmo com a Nigéria buscando ataque, e logo em seguida sofrendo um contra-ataque perigoso das alemãs. Aos 50 minutos Oparanozie ficou a pouco centímetros de marcar o primeiro gol nigeriano na partida.

A Nigéria chegou pouco e Alemanha ficou quase todo o tempo com a bola, mas também não levou muito perigo. As nigerianas mostravam muita raça e disposição na marcação, mas no momento de partirem ao ataque erravam passes e não tinham a precisão necessária para chegar ao gol alemão.

Aos 81 minutos Schueller aproveitou o recuo errado da defesa nigeriana e chutou com força para dentro do gol, indefensável para a goleira, dando números finais à partida. Apesar do placar elástico, as nigerianas deixam a Copa do Mundo com uma partida de muita entrega e coragem, marcada pelos erros defensivos que deram a chance para as alemãs matarem o jogo. Do lado europeu a vitória veio, mas a partida poderia ter sido melhor. A Alemanha segue vencendo, ainda não tomou gols na competição, tem como vantagem uma chave mais fácil para o caminho até a final e continua entre as favoritas para levantar a taça dia 7 de julho.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle