Atlântico vence Joaçaba no Caldeirão do Galo

Atualizado: 25 de Jul de 2020

Atlântico e Joaçaba entratam em quadra no início da tarde deste sábado (29), em partida válida pela Liga Nacional de Futsal. As duas equipes buscavam a recuperação na tabela após três derrotas consecutivas, e no duelo entre gaúchos e catarinenses, o Atlântico venceu por 2 a 1 com gols de Allan e Silva.

O primeiro tempo foi equilibrado. Apesar disso, o Joaçaba aproveitava os erros individuais do Atlântico para tentar abrir o placar no Caldeirão. Os donos da casa, tiveram uma oportunidade com Gessé em um cabeceio, mas a defesa afastou. A resposta dos catarinenses veio com Pirulito, que em um chute fez o goleiro Careca realizar uma boa defesa.

O Joaçaba aproveitou o vacilo de Allan e roubou a bola. Na tentativa de Yan, o chute passou a esquerda do goleiro Careca. Os catarinenses tiveram a chance de balançar as redes após Silva marcar a sexta falta. No tiro livre cobrado por Rafinha, a bola bateu na trave, no rebote, Johny tentou a sobra mas mandou pra fora.

O Caldeirão ferveu após Lucas recuperar a bola, no cruzamento para Allan, o camisa 20 marcou um golaço. Atlântico 1 a 0.

No segundo tempo, o Galo começou pressionando e teve uma falta ao seu favor na lateral esquerda. Na cobrança de Allan, a bola acabou acertando o marcador. A resposta do Joaçaba veio com Johny, mas no chute a longa distância, Careca espalmou. Os visitantes novamente chegaram ao ataque com Miguel. O camisa 98 aproveitou uma cobrança de falta e aproveitou a sobra, no momento do chute a bola saiu para escanteio.

Raul empatou a partida um belo chute, sem chances de defesa para o camisa 1 do Galo. Com o empate em 1 a 1, a pressão imposta pelos dois times aumentou. Com dificuldades de se infiltrar na marcação imposta no meio da quadra, Atlântico e Joaçaba buscavam espaços pelas laterais. Assim, time visitante ganhou mais velocidade com Adriano, que inverteu para Johny e que cruzou para Yan, mas a bola foi muito forte e acabou saindo pela lateral.

Os donos da casa quase viraram com Nardinho que acertou a trave do goleiro Léo Gugiel. Nos minutos finais, o Atlântico teve um tiro livre ao seu favor. Na cobrança de Silva, o jogador fez a festa da torcida.

O Joaçaba precisou correr contra o tempo, e faltando 1m04 para o término da partida, uma falta próximo a área foi marcada. Adriano arriscou mandando acima do gol defendido por Careca. Com um goleiro linha, os catarinenses tentaram levar perigo ao Atlântico, mas sem efetividade acabaram não conseguindo empatar.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle