Copa do Brasil: um título nacional para o Inter em 1992

Atualizado: Jul 20

A história do Sport Clube Internacional foi ampliada em 1992 com a conquista da Copa do Brasil. Aquela final seria a vida do colorado, já que o co-irmão já carregava esse título desde 1989. Aquele ano, o Inter estava espetacular tanto no quesito elenco, quanto na força de vontade de conquistar o título inédito.


Após uma campanha vitoriosa, na noite de 10 de dezembro, o Inter sofreria sua única derrota na Copa do Brasil. No Estádio das Laranjeiras, o colorado jogava por um empate ou por uma derrota, onde fizesse um gol fora de casa, em busca do saldo qualificado para sair na vantagem no Rio de Janeiro. O objetivo foi conquistado, apesar dos cariocas vencerem por 2 a 1, com gols de Ézio e Vágner, para o Fluminense, Caíco fez um belo gol que deixou o Inter mais perto da conquista.


Porto Alegre, Estádio Beira-Rio, 13 de dezembro de 1992, mais de 50 mil torcedores na decisão da Copa do Brasil. Aquela seria a chance do time conquistar o tão sonhado título e merecido pela campanha feita naquele ano. Em campo Inter e Fluminense, uma vitória de 1 a 0 em casa consagraria o colorado campeão. Como no primeiro jogo, sua expectativa tornou-se realidade. Com o duelo equilibrado, o Flu marcava bem e não deixava o Inter consagrar a vitória e ia levando a taça até os 41 minutos do segundo tempo. Pinga foi derrubado na área e o árbitro José Aparecido de Oliveira marcou pênalti.


Com direito a cobrança de zagueiro, Célio Silva, no meio do gol do goleiro Jéferson, deu a alegria dos colorados naquela noite. A massa explodiu nas arquibancadas do Gigante em uma vibração que misturava alívio e alegria. Depois de muita luta, o Internacional era o novo campeão do Brasil, e ganhava mais um título para a história do clube, este inédito na sua trajetória futebolística.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle