• Stephany Locatelli

Análise: Seleção Brasileira inicia caminhada rumo à Copa do Mundo

Jogando sem torcida pela primeira vez, a Seleção Brasileira goleou a Bolívia por 5 a 0, na última sexta-feira (09), em Itaquera, no início da caminhada rumo à Copa do Mundo 2022, no Catar. O Brasil foi extremamente dominante do início ao fim e o placar poderia ter sido bem mais elástico se não fossem as chances perdidas.

O repertório apresentado na partida estava recheado mesmo com os poucos treinos. Com um time organizado, a seleção conseguiu furar a defesa boliviana logo nos segundos iniciais da partida e por pouco não inaugurou o marcador nos primeiros 45 segundos. O primeiro gol, porém, saiu "tarde". Aos 16 minutos, Danilo contribuiu com um cruzamento perfeito para Marquinhos marcar. Quase quinze minutos depois, Renan Lodi, que jogou espetado pela ponta esquerda, deu assistência para Firmino ampliar. Os dois laterais foram essenciais para a vitória de hoje. Tanto Lodi levando perigo sempre que aproximava-se da área, quanto Danilo, que por sua vez, teve liberdade para jogar por dentro e fez um papel primordial auxiliando os jogadores de meio-campo e ataque. Neymar jogou com liberdade por dentro, criando, driblando e procurando espaços. Firmino fez-se presente dentro e fora da área, buscando o jogo e foi agraciado com dois gols. A Seleção Brasileira, em geral, soube ser envolvente e levou fácil o tempo inicial. O segundo tempo foi como o primeiro: a seleção tocou a bola com objetividade de pé em pé até alcançar a área adversária. Mesmo com as substituições por parte da Bolívia, o Brasil chegou ao terceiro gol com Firmino marcando novamente. Tite, então, mexeu no time e no lugar de Everton colocou Rodrygo. E foi no cabeceio do "Rayo" que saiu o quarto gol da equipe brasileira (a bola desviou em Carrasco e tirou a chance de defesa do goleiro Lampi). O Brasil chegou ao quinto gol com Coutinho.

(foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Sobre a postura do time defendendo-se pouco pode-se dizer. A Bolívia não levou perigo ao Brasil em quase nenhum momento do jogo, com exceção ao lance que Weverton precisou fazer uma baita defesa no segundo tempo. Fora isso, só deu Brasil! Já no final do jogo, com o 5 a 0 no placar, o Brasil não abriu mão de jogar e seguiu em cima da Bolívia. É exatamente assim que esperamos ver o Brasil nos próximos jogos: ofensivo! Sem medo! Nos resta esperar e torcer para que esse futebol também se encaixe contra equipes teoricamente mais fortes. Por ora, a seleção convenceu e talvez tenha resgatado no torcedor a esperança e o interesse de um futebol bem jogado. Todavia, uma coisa temos que ter em mente: qualquer crítica ou elogio nesse início não deve subir a cabeça. A eliminatória passa longe de ser fácil e é preciso ter os pés no chão sempre.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle