• Heloisa Gutierrez

Campeã mundial, japonesa joga em time masculino

A atacante Yuki Nagasato, nascida no em julho de 1987, já fez história pela sua seleção. Jogando pelo Japão fez parte do elenco que jogou as Olimpíadas de 2008 e 2012. Em 2011 conseguiu conquistar o título da Copa do Mundo Feminina pelo seu país e em 2015 levou a medalha de prata.


Nagasato tem "mania de fazer gol" e conseguiu marcar mais de 50 gols em 132 partidas pela seleção. Além disso, foi artilheira da Liga Japonesa de futebol feminino em 2006 e recentemente foi a melhor artilheira da Bundesliga pelo Wolfsburg.


Já em maio de 2017, foi anunciado que ela assinou com o americano Chicago Red Stars da National Women's Soccer League , porém devido a uma lesão ela conseguiu atuar em apenas 6 jogos. Em outubro de 2018, a jogadora assinou com o clube Brisbane Roar por empréstimo também, para a temporada 2018-2019 da Womens League.


Mesmo já tendo conseguido diversos troféus pelos times que defendeu, e tendo recebido suas honras individuas, neste ano, a atacante resolveu encarar um desafio inédito em sua consolidada carreira: representar e ser a primeira mulher a jogar em uma liga masculina japonesa.


(foto: Chicago Red Stars/divulgação)

No auge de seus 33 anos, Nagasato foi emprestada, durante a temporada de outono e a pós-temporada, pelo Chicago Red Stars (EUA) para o time masculino Hayabusa Eleven (Japão), voltando para o seu país de origem, ela vai jogar pela oitava divisão do futebol nacional japonês.


Os jogos da "Kanagawa League" da 2ª divisão, começariam em março ou até em junho, mas devido a pandemia do coronavírus que afetou todas as partes do mundo, eles foram adiados. Em 10 de setembro, Nagasato fez história ao conseguir jogar no time masculino da prefeitura de Kanagawa.


De acordo com o seu clube feminino americano Chicago Red Stars, o parecer é de que Yuki retornará em 2021 para o início da pré-temporada da NWSL (National Women Soccer League).

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle