Campeão da Copa do Brasil de 2021 pode embolsar mais de R$ 70 milhões de reais

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou na última quinta-feira (4), os valores das premiações que os clubes irão receber durante a sua participação na Copa do Brasil. Nesta temporada, o campeão da competição poderá embolsar até R$ 73,6 milhões.


foto: Thais Magalhães / CBF

A primeira fase da Copa do Brasil irá envolver 80 times. Os clubes que integram o grupo I (15 melhores no ranking da CBF) vão arrecadar R$ 1.150.000,00. Já os clubes que integram o grupo II são representados por outros clubes que disputam a Série A e podem arrecadar R$ 990.000,00. O grupo III é composto por 58 clubes que podem garantir R$ 560.000,00.


Na 2ª fase, os valores de premiação irão aumentar. Para o grupo I os valores serão de R$ 1.350.000,00; grupo II será de R$ 1.070.000,00 e o grupo III de R$ 675.000,00.


Na terceira fase da Copa do Brasil, os clubes que disputam a Libertadores da América e os campeões da Série B, Copa do Nordeste e Copa Verde se juntam aos times que garantiram a sua classificação. Neste ano, Atlético Mineiro, Athletico Paranaense, Brasiliense, Ceará, Chapecoense, Flamengo, Fluminense, Internacional, Grêmio, Santos, São Paulo e Palmeiras irão disputar o mata-mata.


Premiação se iguala

A partir do terceira fase da Copa do Brasil, a premiação será igual para todos os clubes.

  • 3ª fase: R$ 1.700.000,00

  • Oitavas de final: R$ 2.700.000,00

  • Quartas de final: R$ 3.450.000,00

  • Semifinal: R$ 7.300.000,00

  • Final: - campeão (R$ 56.000.000,00) e vice-campeão (R$ 23.000.000,00).


Posts recentes

Ver tudo