• Bianca Lodi

Com 10 times profissionais e clássico paulista, Brasileirão Feminino promete

Atualizado: há um dia

Marco histórico: clubes brasileiros profissionalizaram os times femininos em 2020


foto: Lucas Figueiredo / CBF

Menos de uma semana para começar o Campeonato Brasileiro Feminino da série A1 (primeira divisão). O torneio terá pontapé inicial no dia 08 de fevereiro e domingo (09), já conta com clássico paulista, entre a atual vice-campeã, Corinthians, e o Palmeiras, no estádio Nelo Bracalente, em Vinhedo, São Paulo. A competição que terá 16 clubes brigando pela taça em 2020 terá 1 jogo por rodada sendo transmitido pela TV Bandeirantes, e as demais partidas estarão ao vivo no MyCuujo.


O formato da competição será igual ano passado. Os 16 times se enfrentam no primeiro turno e os oitos melhores avançam para segunda fase. A partir das quartas de final, os confrontos serão disputados com ida e volta até a decisão, que está marcada para 6 e 13 de setembro. Das equipes, 12 são remanescentes do Brasileiro Feminino A-1 em 2019 e 4 clubes oriundos do Brasileiro Feminino A-2.


Abrindo a primeira rodada do campeonato no dia 08, a atual campeã, Ferroviária e Audax. Grêmio e Minas ICESP. Kindermann-Avaí x Vitória BA. Santos e Flamengo. Já no domingo (09), se enfrentam Internacional e São José. Palmeiras x Corinthians. Ponte Preta x Iranduba. E segunda-feira (10), Cruzeiro e São Paulo fecham a rodada.


Profissionalização do feminino marca gol no Brasileirão

O futebol feminino que vem evoluindo constantemente, neste ano não poderia ser diferente. Ano passado, de 16 equipes só sete eram consideradas profissionais. Já em 2020, de 16 times, 10 não são mais amadoras. Mais uma vitória e marco para a modalidade que passou anos sem ter carteira assinada e sem receber salário. Esse aumento de times que legalizaram o registro profissional das atletas junto a CBF e Fifa impacta diretamente no desenvolvimento das atletas e no incentivo para as próximas gerações.


As 10 equipes profissionais são: Ferroviária, Internacional, Corinthians, São Paulo, Santos, Iranduba, Vitória, Flamengo, Cruzeiro e Grêmio. Esse é um grande avanço para o futebol feminino que cada vez mais está sendo reconhecido e valorizado no mercado. Aos poucos os clubes estão investindo, profissionalizando e impulsionando o futebol feminino para o mundo.

Posts recentes

Ver tudo

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle