• Bianca Lodi

Dia nacional do futebol: modalidade é capaz de transformar vidas

O futebol não é apenas um jogo, ele é na maioria das vezes o detalhe mais importante da vida


Quantas vezes escutamos que futebol são só pessoas correndo atrás da bola e que não nos levará a lugar nenhum?! Inúmeras. Em contrapartida, a frase “não é só futebol” repercute nas redes sociais. E afinal não é apenas futebol, mas por quê?


O futebol é paixão, e a paixão acentua as coisas, deixando quase tudo à flor da pele. No caso brasileiro, o futebol talvez seja mesmo a maior paixão coletiva da nossa sociedade, uma verdadeira cultura de multidões. Mas está enganado quem acha que futebol é só futebol. Os graves problemas sociais, estruturais e econômicos do país, somados aos problemas característicos do futebol ajudam a entender toda a vida social. E além disso, podemos ver diversas histórias de superação e amor por meio da bola.


Durante esses anos temos histórias claras de superação, amor e união por meio da bola. Entre essas histórias está a tragédia do avião da Chapecoense, esse dia triste pôde nos mostrar a capacidade do futebol em humanizar nossas vidas. Entre dias tristes temos também os sonhos que foram perdidos no Ninho do Urubu, pais e mães que viveram a fatalidade de perder seus filhos em meio a um clube por qual a família é apaixonada, talvez, sintam algo mais próximo dessa contradição que sentimos nos últimos dias.


Acontecimentos de fato tristes, mas que nos leva a reflexão do que tem por trás do esporte. Possibilita dias de alegria e realizações e também angústias, muitas vezes semelhantes aos problemas que passamos na vida quando sonhamos com a liberdade da conquista, mas que nos é tirada com o peso da realidade, do trabalho, do salário e das tragédias pessoais.

foto: SPFCTV/reprodução

Mas a história do “não é só futebol” vai além, como por exemplo, a história da pequena Larissa, torcedora de seis anos do São Paulo, que luta contra um câncer no cérebro. O clube é seu amuleto e lhe dá forças para continuar superando a doença e permanecer iluminando a vida. Entre essas histórias emocionantes, temos também o pequeno Nicolas, deficiente visual, mas que vibra a cada jogo do Palmeiras em que a mãe narra. Não só essas, temos uma lista de demonstrações que comprovam que não é só futebol.


Diante disso, o futebol não é apenas um jogo e não é feito apenas de Champions League, salários milionários e histórias cheias de glamour e fama. Ele é, acima de tudo, composto por histórias de superação, curiosidades e fatos históricos que mostram como o jogo, muitas vezes, é apenas um detalhe. Em diversos casos, e em determinados momentos, o detalhe mais importante da vida.


A bola pode proporciona superação, amor e união para muitas vidas. Podemos ver o poder de transformação do futebol que nos leva a reflexão do que tem por trás do esporte. Possibilita a alegria de voltar a acreditar nos sonhos.

0 comentário

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle