Venho do Bairro da Azenha: da fundação ao Fortim da Baixada

Atualizado: Jul 24

Setembro é um mês especial para todos os gaúchos, mas para os gremistas, o mês tem dois significados a mais. Além do aniversário de 117 anos do clube, os torcedores também relembram as histórias e momentos inesquecíveis ao lado do nosso saudoso Estádio Olímpico, a casa dos torcedores gremistas.


No dia 15 de setembro de 1903, reuniram-se 33 homens em um restaurante no centro de Porto Alegre. Nesta noite, fundaram o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, seu primeiro presidente foi Carlos Luiz Bohrer, dono da alfaiataria localizada no centro da cidade. No primeiro ano de fundação, o novo time porto-alegrense não disputou nenhum jogo. Porém, ficou decidido que para a primeira partida o elenco já deveria estar uniformizado.


Além do uniforme e das cores, o brasão do clube também foi escolhido durante a reunião. O desenho do distintivo lembrava uma bola de futebol, ao centro possuía a palavra “Foot-Ball”, e as linhas de costura eram típicas do início da época. Porém, o tecido em cor havana estava em falta nas lojas da capital, e foi efetuada a primeira mudança no uniforme: azul e preto divididos verticalmente.


Devidamente trajado, o primeiro jogo da história do clube ocorreu em 06 de março de 1904, contra o Fussball Club Porto Alegre, partida vencida por 1 a 0. No mesmo ano, o Grêmio adquiriu seu primeiro estádio de futebol: a Baixada Moinhos de Vento. A Baixada foi a casa gremista por 50 anos, e ao longo desse tempo, passou por constantes mudanças para expandir a capacidade de público e também trazer mais conforto para seus torcedores.


O primeiro jogo GreNal, clássico tradicional e disputado entre Grêmio e Inter, foi realizado no dia 18 de julho de 1909. A partida terminou com o placar de 10 a 0 para o Grêmio. A partir de 1910, a equipe gremista passou a enfrentar clubes de outros estados e países, e em pouco tempo ganhou o reconhecimento de ser um grande adversário. Em setembro de 1916, o Fortim foi palco de um grande jogo. A Seleção de Futebol do Uruguai disputou um amistoso com o Grêmio, e a equipe gremista venceu por 2 a 1.


Nos anos de 1920 a 1935, o Grêmio conquistou 16 títulos citadinos e estaduais, um destaque para a vitória no Grenal Farroupilha, esse clássico ficou conhecido por fazer parte da comemoração do Centenário da Revolução Farroupilha (guerra ocorrida em 1835, após o Rio Grande do Sul declarar independência do Brasil, mas ao ser derrotado após 10 anos, o estado foi reincorporado ao país).


Mesmo com todas as reformas que estavam ocorrendo na Baixada dos Moinhos de Vento, em 1929, um novo projeto para a construção de um estádio foi apresentado. Na década de 40, o espaço no entorno do estádio começou a ficar pequeno, e a partir deste momento, o clube passou a procurar um terreno onde pudesse construir um estádio. Porém, antes de construir sua nova casa, na década de 40, o diretor do clube Alfredo Obino e o organizador da torcida, Salim Barros Negri decidiram criar uma faixa para expor na Baixada, com os dizeres “Com o Grêmio, onde estiver o Grêmio”.

Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle