Venho do bairro da Azenha: inauguração e anos gloriosos do Olímpico Monumental

Atualizado: Jul 24

A inauguração do Estádio Olímpico aconteceu em 19 de setembro de 1954. Com uma partida diante do Nacional do Uruguai, o time da capital gaúcha venceu por 2 a 0. O estádio foi palco de muitas conquistas, e entre 1956 a 1968, o Grêmio ganhou 12 campeonatos gaúchos em 13 disputados.


E foi em 1963 que ocorreu a segunda mudança no brasão do clube, com a palavra “foot-ball” sendo substituída por Grêmio, e o ano de fundação também foi acrescentado na parte superior, modelo que segue até os dias atuais.


Com a conquista de vários títulos e com o número de público aumentando nos jogos, o segundo anel de arquibancada do Olímpico foi concluído em 1980, o que fez com que a capacidade de público aumentasse para 55 mil pessoas. O maior recorde de público foi de 98.471 pessoas, e ocorreu na semifinal do Campeonato Brasileiro de 1981, contra a Ponte Preta.


O primeiro título de expressão do clube veio em 1981, após a conquista inédita do Campeonato Brasileiro. Com o título nacional, a equipe garantiu a classificação para a Libertadores da América do ano seguinte, porém, a primeira participação no torneio sul-americano não foi das melhores e o time foi eliminado ainda na fase de grupos. Mesmo com a desclassificação, a equipe disputou a final da competição nacional de 1982, contra o Flamengo.


O grande campeão só foi conhecido no terceiro jogo, e a equipe carioca tornou-se bicampeã, derrotando o Grêmio por 1 a 0 em pleno Estádio Olímpico. Com o vice-campeonato brasileiro, a equipe de Porto Alegre teve a oportunidade de voltar a disputar a Libertadores da América, e para garantir o título inédito houve mudanças na equipe: o zagueiro Baidek, o meia Tita e Valdir Espinosa como técnico, foram os grandes reforços para que o clube conquistasse a América.


Além da conquista da Libertadores da América, no mesmo ano o Grêmio disputou o Mundial de Clubes, e consagrou-se campeão após vencer o Hamburgo da Alemanha por 2 a 1.


Em 1985 aconteceu a terceira modificação no brasão, foram acrescentadas estrelas de ouro, bronze e prata acima do distintivo, para representarem as conquistas do Mundial de Clubes, Libertadores da América e Campeonato Brasileiro.



Receba as novidades

do Futebol Por Elas

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram - Black Circle